Conheça Cisne - Eleonor R. Hertzog


Sinopse:

Ninguém sabe exatamente quais são os critérios de seleção da Escola Avançada de Champ-Bleux, mas não há como discutir sua eficácia. Seus exames de ingresso não erram nunca! Entre milhares de candidatos de todos os pontos da Terra, apenas duzentos e cinquenta são escolhidos a cada semestre. 

E, num mundo onde ser cientista é o maior status que alguém pode desejar, a Escola Avançada de Champ-Bleux forma aqueles que são disputados a peso de ouro. Doris e Henry Melbourne são cientistas formados por Champ-Bleux. 

Aparentemente, são biólogos marinhos. Aparentemente, suas vidas se centram no Cisne, barco de pesquisas onde moram com os filhos. E, também aparentemente, são terráqueos... Seus filhos acreditam em todas essas aparências – ao menos por enquanto. Seguindo os passos dos pais, os jovens Melbourne fizeram os exames de ingresso para Champ-Bleux. Enquanto, cheios de expectativa, aguardam os resultados para saber se ao menos um deles entrou na Escola Avançada, veem-se envolvidos numa questão diplomática entre Terra e Tarilian, o único outro mundo habitado que os terráqueos conhecem. 

Inesperadamente, o futuro das relações entre os dois mundos vai ser decidido em um barco no meio do oceano! Mal sabem eles que isso é apenas o começo... Logo precisarão decidir pela Terra inteira!

Resenha:

Doris e Henry Melbourne são os melhores cientistas da terra, formado na famosa Champ-Bleux, a mais conceituada escola para cientistas da Terra.

 Depois de completar os 10 anos de curso na escola, agora o casal vive em um barco/laboratório/casa junto com os seus oito filhos: Ted, Teo, Tim, Tom, Lis, Pam, Bobby e Peggy, que também são a tripulação e os aprendizes.Agora a família Melbourne exerce a função de Biólogos Marinhos, estudando algas e a vida no oceano. Mas como a maioria dos adolescentes, os filhos de Henry e Doris sonham com uma vaga em Champ - Bleux, e sendo filhos de quem são, é o que a sociedade espera deles.


(...)Olhou o céu negro, pontilhado de estrelas sem fim. Parecia poeira luminosa. Olhou o mar, tão negro quanto o céu. Não havia limite entre céu e mar. Não havia distância naquele negrume. Não havia nada. Era como estar fora do mundo... ou nem haver mais mundo. Só o Cisne.(...)

 Os critérios de admissões para a escola é um mistério, ninguém nunca descobriu quais são, mas as 250 vagas disponibilizadas por ano são disputadas pela maioria dos adolescentes que sonham em um dia se tornar cientistas renomados. Doris e Henry são formandos por Champ - Bleux e agora os seus filhos prestaram os psico- testes, e por mais inacreditavel que possa parecer, TODOS passaram, o que é muito incomum.

Logo após saberem os resultados, nesse misto de agitação e ansiedade, uma noticia não muito agradável chega ao Cisne. O conselho convocou o barco dos Melbourne para concluir o estagio de dois cientistas Tarilianos que fazem parte dos intercâmbio interplanetario, e que acabaram sofrendo agressões de um outro cientista terráqueo, em um dos barcos ligados ao conselho.

  Tarilian é um novo mundo, descoberto fora do nosso sistema solar, mais precisamento localizado atras do sol, que após o primeiro contato foi constato uma atmosfera semelhante a da terra, assim como seus habitantes, que apenas são distinguidos por suas orelhas pontudas. Apos a descoberta foi um choque para a Terra ter que admitir que Tarilian possuía uma tecnologia bem mais avançada,e para Tarilian admitir que a Terra possuia o dominio do espaço cideral.A disputa interplanetaria começou apartir dai, tanto de um lado quanto de outro, e assim surgia o intercâmbio, uma ligação entre os dois mundos, onde cientistas da Terra podem aprender a tecnologia e Tarilian e vice -versa.Mas a diplomacia entre os planetas é algo instável e ambos os lados não perdem a oportunidade de provocar.

Sendo assim, os Melbournes são obrigados a entrar em meio a esse embate, para tentar acalmar os ânimos entre terráqueos e tarilianos, e acabam por ter de hospedar 3 Tarilianos  hostis, em seu barco, sendo que um deles é um repórter um tanto sem escrúpulos, que adora destorcer os fatos e plantas a discórdia entre os tripulantes.

(...)A causa das ofensas que você sofre são as falhas do seu caráter, e não o que os outros dizem. Quando o caráter é reto e firme, as ofensas não atingem.(...)

Primeiramente eu quero levantar uma questão: Será que Eleonor Hertzog é mesmo terráquea? Tenho minhas duvidas. Com essa mente incrivelmente fértil e tamanha inteligencia...hm...

hahhaha. Brincadeira gente, a principio ela é terráquea sim,e gaúcha, assim como eu!\õ
Para quem ficou intrigado com meu resumo acima, o Cisne é um distopia, fala sobre a Terra daqui a alguns (muitos) anos, depois da descoberta da outros planetas habitáveis, como foi o caso da fictícia "Tarilian", localizada no lado contrario do nosso sistema solar.

 Achei muito interessante essa temática, inovadora, com toda certeza. É a primeira distopia nacional que eu tenho a oportunidade de ler,  autores estrangeiros adotaram o gênero, e pipoca  distopias de tudo que é lado, é Divergente, Jogos Vorazes, Legend... entre tantas outras,  mas a maioria dos autores nacionais não aderiu ao tema, e foi isso que me fez ficar super curiosa para ler o Cisne.

Tenho que confessar que a primeira vista o livro assusta, afinal são quase 900 paginas de uma historia bem complexa, é muita coisa para assimilar, é na realidade, um novo mundo a conhecer. Mas como eu disse anteriormente, a Eleonor  possui tamanha criatividade, quem nem comparando com distopias estrangeiras eu  não consegui achar uma temática que fosse, nem parecida com a  criada por ela.

O livro é narrado em terceira pessoal, o que nos da a oportunidade de conhecer todos os personagens muuuuito bem. Por falar em personagens, a estoria possui muitos, para se ter uma ideia, só a família Melbourme é composta por 10, todos ativos e com uma personalidade própria. Mas esse foi um ponto que dificultou a minha leitura, são muitos personagens e cada um tem a sua historia, que é desenvolvida paralelamente, então quando um problema é solucionado, você não tem bem certeza de como ele realmente começou, pois acaba misturado a historia de outro personagem. Não é muita estoria, é sim muitos personagens, pois as descrições e ambientação é perfeita, você realmente se sente abordo do barco.
Mas ainda falando dos personagens, posso dizer que tenho preferência?? Siiim, eu tenho meu Melbourme preferido, que é o Tim!! O menino é a combinação perfeita: inteligente e divertido! Tenho que confessar, que eu fiquei torcendo para o casal Tim e Peggy acontecer!! Ok, acho que eu não expliquei antes, mas a Peggy não é uma Melbourme de sangue, ela é adotada,então,nada impede!

Como vcs podem notar, a família é grande e o mais divertido de tudo é acompanhar o desenvolver da relação entre oito adolescente de personalidade forte dentro do restrito espaço que um barco, é garantia de muitas gargalhadas. O pior de todos eles é o meu favorito: Tim. Mas o personagem mais complexo é a Peggy, até onde esse livro nos levou na  estoria dela, ainda não da para se ter uma noção exata do seu passado, então já podemos esperar que no próximo livro o enfoque vai continuar no mistério do passado de Peggy e em sua mente problematica.

Resumindo: O Cisne é um livro super criativo, com um enredo super diversificado, e uma imensa gama de personagem bem desenvolvidos.Apesar de toda a estoria e o enredo envolvente, o livro nos deixa que com a sensação de isso é apenas a introdução, que esse conflito Terra x Tarilian é apenas a ponta do iceberg, e que muito ainda esta por vir. Não vou dizer que é uma leitura leve, pois exige de que você esteja completamente ligado, cada detalhe é importante para você entender o enredo.

A edição em sí é maravilhosa, a ilustração do barco, os golfinhos... é tudo para completar ainda mais a experiência de estar a bordo do Cisne, literalmente. Uma coisinha que eu não gostei,é que o livro é uma edição simples, ou seja, sem aquelas "orelhas", o que deixa a capa com uma aparência frágil, e eu como trato os meus livros como bebes, fico um tanto neorotica  cuidando no manejar.

Book Trailler:


Para quem não sabe,o Cisne não é um livro único, esse é o primeiro volume de uma serie, que já tem a sequência prevista para ser lançada no segundo semestre desse ano, e vai ser intitulado
" Linhagens".Ainda não tem uma data exata para o lançamento, mas a autora nos adiantou, que será antes a Bienal do Rio.

Gostou da noticia? a Eleonor foi ainda mais legal com nós, e publicou um trechinho para atiçar ainda mais a nossa curiosidade, segue abaixo:

 " (...)Mil anos atrás, outra guerra começou no Império Atlante. Parecia tudo, menos ajuda para a Terra; porém, paradoxalmente, foi isso que se tornou. A Grande Guerra se estendeu pelo Império inteiro e ameaçou todos os Palácios e Linhagens, que foram forçados a se unir para sobreviver. Afinal, o Império descobriu que a única forma de pôr fim à Grande Guerra era selar os Palácios. Por ordem do Palácio Imperial de Relana, os Palácios dos Reinos Independentes lacraram seus acessos físicos e mentais, camuflaram-se e desapareceram dos olhos e das mentes dos seus próprios povos. A Guerra não foi vencida nem perdida; ficou estranhamente suspensa, até os imperiais descobrirem uma forma de vencê-la.(...) "

Fonte: Livros de Elite 

0 comentários: